Após reunião, Governo do Estado garante nova análise sobre população do Litoral Norte

Deputados e prefeitos da região se reuniram com o governador Eduardo Leite para apresentar demandas da região

08/07/2020

Em videoconferência realizada na tarde desta terça-feira, 7 de julho, os deputados Gabriel Souza e Alceu Moreira e os prefeitos do Litoral Norte reiteraram ao governador Eduardo Leite a necessidade de reavaliação da estimativa populacional do Litoral, em função do deslocamento de milhares de gaúchos para as praias durante a pandemia. O grupo também tratou sobre a ampliação da capacidade de leitos de UTI. A avaliação dos dois indicadores é fundamental para que haja alteração na classificação da bandeira na região, passando da vermelha (atual) para laranja.

O deputado Gabriel lembrou que apesar do aumento de 80% da capacidade hospitalar na região, com a habilitação de mais 21 leitos nos hospitais de Tramandaí, Osório, Capão da Canoa e Torres, a demanda está mantendo em quase 100% a ocupação dos 46 leitos disponíveis. E reforçou que o Litoral está empenhado para habilitar outros 15 leitos – cinco em Tramandaí e mais 10 em Osório. “Já temos em mãos os respiradores, que é o equipamento mais caro e de díficil aquisão. Também temos a garantia do custeio da equipe de profissionais pelo Estado. Agora estamos buscando os recursos necessários para aquisiçao dos demais itens necessários para abrir estes leitos o mais breve possível”, detalhou Gabriel.

O presidente da Amlinorte e prefeito de Imbé, Pierre Emerin, ressaltou que o relatório feito pela Associação e encaminhado ao governador na última semana comprova o aumento populacional que o Litoral Norte vem apresentando nos últimos meses. “Nossos estudos apontam 716 mil pessoas ao invés de 397 mil, conforme os dados do IBGE de 2010. Caso seja reconhecido a tese da sazonalidade, nossos índicadores por 100 mil habitantes melhoram muito para que possamos voltar à bandeira laranja”, argumentou o prefeito.

O governador afirmou que o estudo sobre o aumento populacional será analisado pela secretaria estadual de Planejamento, Orçamento e Gestão, responsável pela avaliação dos indicadores que compõem o Distanciamento Controlado. “Vamos fazer a análise deste dados para comprovar que a população é maior e coordenar nossos esforços com a secretaria de Saúde para dar celeridade a implantação e ampliação de serviços na região”, disse Leite.

Novos leitos

Quanto aos dez novos leitos em Osório, ainda é preciso que seja realizada adequações prediais nas instalações do Hospital São Vicente de Paulo, além da aquisição dos demais equipamentos, porém o deputado Alceu Moreira disse que o esforço conjunto é importante para garantir que não falte leito aos pacientes de Covid-19, evitando assim a superlotação. “É nossa missão zelar e proteger a população do Litoral Norte”, afirmou Moreira.

Também participaram da reunião o secretário-chefe da Casa Civil, Otomar Vivian, a secretária estadual de Saúde, Arita Bergmann, os prefeitos de Capão da Canoa, Amauri Germano, e Terra de Areia, Aluisio Teixeira, e o vice-prefeito de Imbé, Ique Vedovato.