Situação dos aterros sanitários será tema de audiência pública

Proposta pelo deputado Gabriel Souza, atividade ocorrerá no dia 8 de julho, às 9 horas, na Assembleia Legislativa

26/06/2019

Objetivo da reunião é obter subsídios para política estadual sobre o assunto

No próximo dia 8 de julho, às 9h, no Memorial Legislativo (Rua Duque de Caxias, 1029), será realizada audiência pública para debater a situação dos aterros sanitários do Rio Grande do Sul. O requerimento, de autoria do deputado Gabriel Souza (MDB), foi aprovado por unanimidade, na reunião ordinária da Comissão, realizada nesta quarta-feira (26).

De acordo com o proponente do debate, que também é relator da subcomissão de aterros sanitários, o objetivo da audiência é ouvir os técnicos da Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam) – entidade responsável pela emissão de licenças ambientais a aterros sanitários no estado, bem como pela fiscalização dos mesmos.  “Queremos dar transparência aos dados referentes aos resíduos sólidos no RS para que possamos obter subsídios para a construção de uma política estadual de aterros sanitários”, explica Gabriel.

Também estão entre os convidados representantes da FAMURS, Ministério Público, Secretaria Estadual do Meio Ambiente e Infraestrutura, da Saúde, Companhia Riograndense de Valorização de Resíduos (CRVR), além de outros órgãos e entidades interessados no tema.